sábado, 13 de novembro de 2010

Belém Belém, pra sempre ficar de bem!



Passeando pelas ruelas de Belém...sexta-feira - o domingo do muculmano - dia tranquilo pra descansar, povo com roupa de domingo pra ir à mesquita e o som do cantador vindo dos minaretes, chamando os fíéis pra rezar. Lírico, melancólico e lindo.


Quer uma carinha melhor do que a deste palestino, preparando bolinhos de acarajé pra nós? E os baitas das romãs! Um suco de lamber os beiços, de tão bom!



A estrela de 12 pontas, feita em prata, indica o local onde Jesus nasceu. Onde antes era um estábulo, foi erguida em 326, uma igreja enorme. Hoje, é a mais antiga do mundo, ainda funcionando.
Causus, história, micos, chororô de emoção ( vários ) e mais curiosidades, vou dividir em outros posts. Não dá pra passar tudo de uma só vez. Informação demais.



Zé e Nil, amigos pra valer, você e eu, posando pra minha câmera, na fila pra dar um beijo na antiga manjedoura, já dentro da Igreja da Natividade.
 

 O vergonhoso muro que está sendo construido pra separar palestinos de judeus. O ser humano já deveria estar há anos luz desta história de construir muros e a mesquinharia de dividir territórios. Este planeta tão imenso e tão lindo, não combina com esta estupidez.



Soldado israelense esperando a gente se aproximar pra revistar carro e passaporte, pra entrar em Belém, território palestino. Brasileiro pode se orgulhar de ter fronteiras abertas pra todo lado, neste mundão de Deus...em todos os lugares dos Caminhos por onde andei, fui sempre recebida com um sorriso enorme. Este israelense, viu 2 dos 7 passaportes e mandou seguir em frente com um sorriso e um Viva Brasil!


 Construções nos arredores de Jerusalém. Em todos os tetos, cintila o prateado das placas solares. A primeira vez que vi isso, na minha vida, foi aqui, há muitos e muitos anos.


Revista na entrada e na saída de Belém. Querem saber se não estamos contrabandeando palestinos... Faça-me o favor!


Zé se abaixando pra passar pela Porta da Humildade. Todas as histórias, todos os símbolos, crenças e fatos históricos que tô podendo recolher, estão sendo anotados pra postar quando eu terminar a viagem e tiver tempo de me sentar pra escrever. Por enquanto, só comento as fotos, porque tô dormindo em cima do teclado. Nem na ordem tô conseguindo colocar. Cansada demais! Feliz demais! Tudo demais...rs


Este religioso judeu, fotografei aqui do lado do hotel, hoje pela manhã. Já tava todo paramentado esperando pelo Shabat-sábado.


Nil, o piloto da Caravana Rolidei Israel, chiquérrimo, já no volante do carro que alugamos. Darei preços,  condições e o que precisa, depois.


Quem disse que no deserto não tem flores lindas?
É só molhar a terra.



O povo sentadinho na calçada dum bairro palestino, esperando o amigo fritar os acarajés. Comemos vários com suco de romã. Uma delícia! De brinde, ganhamos docinhos árabes. Hospitalidade de dar inveja. E ainda tem gente que se espanta, quando digo que quero, e vou fazer tudo que puder, pra visitar Gaza.


Mais uma parte do muro. Ele tá todo desenhado, colorido, cheio de escritos, fotos, grafites, posters....Tem de tudo colado alí.



E, pra terminar por hoje, a carinha ótima deste palestino que nos mostrou o caminho, quando o GPS pirou o cabeção. GPS ainda não adivinha quando foi fechada uma rua, ou bloqueada, ou bombardeado. Pra isso, felizmente, usamos o velho e sempre certeiro:

- Moço, faizfavor!!!

7 comentários:

Brenda Tavares disse...

Antes de tudo parabens pela viagem interessantissima que estas a fazer!!
Segundo, concordo plenamente contigo quando dizes que o homem esta ha anos luz da ideia hipocrita e mesquinha de construis muros, mas sabemos muito bem que em muitos casos a religiao é a desculpa né?!
Adorei as fotos, as sinteticas e otimas informaçoes. Fiquei curiosa sobre esse acaraje, sabe como é, Baiana, ai ja viu...
Quanto ao chamado para a mesquita, tb pude ouvir ele no Cairo e é emocionante, ia me tomando por dentro, uma sensaçao muito boa!! Viajar é bom demais né, nos permite tantos contatos inesperados, conhecimentos adquiridos, aprendizagem.. adoro viajar!!!!!

reynaldo disse...

Ieda, sendo muito, mas muito mesmo espaçoso! Você poderia me trazer 3 terços da Terra Santa/ (Um para mim, outr para ex e outro para minha ex-sogra, cujo sonho maior na vida era conhecer a Terra Santa. Tem 86 anos...) Lídia (ex) tem uma fé inabalável! E eu, em busca. Eu te pago assim que vc quiser, ok: BJS e desculpe. (É a única encomenda, coisa que não costumo fazer.. rsrsrs)

Anônimo disse...

Ieda, nem Marcos Losekan/Globo (qualquer hora dessas você tromba com ele por aí)faria melhor!
Estou curtindo muito a viagem e curiosa pra ver a repórter, dá um close nela, hahaha!
Bj
Maria Elisa

Maga. disse...

Mt chics vcs,rezem por mim .
É verdade q as mulheres rezam ainda em separado dos homens?E tem q andar de costas p o muro?
bjo

Anônimo disse...

Ei Ieda. Que saudades de vc!!!

Parabéns pelo blog, pelas fotos, pelos textos... é um encanto e se tornou um "vício"! Desde que o visitei pela primeira vez não consigo ficar sem dar uma bisbilhotada aqui, agora com a viagem então!!! rs

Aproveite muito muito a viagem para ter muitos causos para contar pra gente!!!

Bjão cheio de saudades.

Marise (Culinária)

Ieda Dias disse...

Vou responder a todos assim que tiver um tempinho de me sentar...sim, as mulheres rezam num cantinho, saimos de costas, vou comprar os terços Rey querido, Marise, obrigada darling quéérida, avise pro povo daí pra me acompanhar aqui e em minhas orações só agradeço, agradeço, agradeço...
bjos, bjos

Regina Rozenbaum disse...

Aiii Aiiii de roxa passei prá catiguria preta de inveja! Pode? Já podeu, sô!!!!
Beijuuusss ILUMINADOS a todos

www.toforatodentro.blogspot.com
P.S: amada, "cuidado" com as palavras que a escrita é de barro!!!

VEJA TAMBÉM

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...