segunda-feira, 15 de agosto de 2011

O Anti-Guia de lugares no Brasil e no mundo - parte 4

Dica do Breno, que tava na Alemanha e morrendo de fome,  pediu um Hash-brown com a maior boca de batata salgadinha com bastante tempero e qual não foi sua surpresa. Nada a ver com o prato salgado servido nos EUA ou Canadá.
Na Alemanha não é assim não!
Aproveito e repasso pra quem não viu, o passo-a-passo do Hash-brown à francesa.

1) Na Alemanha, ao pedir um Hash-brown tenha em mente que você irá receber uma espécie de panqueca e é doce. Não vá com boca pra sal porque vai rolar um doce.


Outra anti-dica chiquérrima do Breno que é louco por futebol.

2) Todos os belorizontinos adoram levar os turistas para passear na Pampulha. Uma dica é não levar os turistas para conhecerem a região na mesma hora em que os milhares de torcedores estão indo para o estádio do Mineirão no final de semana, a não ser que você esteja levando o turista para o jogo. Ao contrário, você pegará um “puta” trânsito que o deixará mal-humorado.
Normalmente tem jogo às quartas e aos domingos.


Anti-dica passada pela Eliana, querida amiga brasileira que mora em NYC há mil anos.

- Brasileiro gosta de comida italiana e quando vêm a Nova York geralmente vai a Little Italy – que na minha opinião tem a pior comida italiana de N. York. Lá é só pra turista mesmo - nunca vi nenhum italiano e nenhum nova-iorquinho comendo nos restaurantes italianos de lá. A comida é péssima - já fui em alguns porque exatamente amigos brasileiros queriam ir comer lá. Uma decepção total ... portanto recomendo irem em qualquer restaurante italiano – menos nos do Little Italy.

Se gosta de comida italiana e tá indo pra NYC, tem dica de restaurante supimpa aqui no blog.

Nenhum comentário:

VEJA TAMBÉM

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...