segunda-feira, 28 de novembro de 2011

Profissões do futuro e de futuro



Continuando com a seção nostalgia, nós rimos muito quando começamos a lembrar de coisas de outrora e que não existem mais ou estão agonizando.
Por exemplo, tem um motel aqui em BH, que até a pouco tempo atrás tinha  esquecido  de retirar uma placa enorme anunciando que "Temos TV a cores". Pense bem, alguem de 10,  15 anos lendo isso? Nunca vai entender.  Fax, telex, máquina de escrever elétrica, telefone de discar e porai vai.
Mas o assunto hoje é outro. Vou falar sobre um artigo que li no Capital.fr e achei muito legal.
Como não tô atrás de profissão nenhuma,  esta não é minha preocupação atual e só quero pensar na minha próxima viagem, a dica fica pra turma que tá chegando. Como tem muito gente nova (Dieu merci)  que lê o blog e tá nessa, lá vão alguns toques.
A tradução pra variar foi feita ao meu modo. Nem sonhe em encontrar perfeição!

Algumas especialidades de hoje estão ameaçadas. Mas muitas outras vão aparecer no mercado de trabalho. Eis uma pequena amostra dos trabalhos que estarão na moda dentro de dez anos. É o ciclo normal da vida e da morte. 
Na França  de 2.020, os alugueis de DVD e os donos de lojas vão ter desaparecido definitivamente e seus lugares serão ocupados por iPad. E as agencias de viagem também. Serão tão raras, quanto os colocadores de palhas em cadeiras.
Novos perfis ocuparão o lugar dos que partiram.
Este é o caso da onda  verde onde profissões desconhecidos estão brotando da terra, da área de finanças agora obcecada com a gestão da dívida, ou em atividades de saúde, que será impulsionada pelo envelhecimento da população.
Mas o principal fornecedor de novos postos de trabalho será obviamente a indústria digital, que irá produzir uma quantidade em alta velocidade sem precedentes, de especialidades como: estereógrafo, gerente da comunidade, engenheiro netergonome ( não encontrei tradução) na realidade virtual, computação gráfica 3D. Haverá algo para todos os gostos e todos os treinamentos. Já tá ficando doidim pra começar a estudar? Vamolá.

Engenharia
Engenheiro de despoluição industrial : 5.000 frentes de trabalho serão abertas em 10 anos
Engenheiro em eficácia energética
Engenheiro especializado em engenharia sanitária: ela vai prosperar com o princípio da precaução
Engenheiro biomédico: as necessidades irão quadriplicar até o final da década
Engenheiro na realidade virtual: os grandes arquitetos vão fazer este trabalho

Profissões técnicas
Estereógrafo; a explosão dos filmes em 3D vão dar muito trabalho pra esta turma
Infografista 3D ( será que é isso mesmo? ) : mais e mais os escritórios de arquitetura vão precisar de desenhos 3D, assim como os estúdios de cinema, desenhos e vídeogames
Técnico especialista em consertar carros elétricos
Técnicos em desmontar  usinas nucleares. Estima-se uma necessidade de 4.000 a 8.000 num futuro próximo.
Manipulador em eletroradiologia medical: vão ser precisos uns 10.000 até 2.020
Fisioterapeuta (kinesi) : o envelhecimento da população promete um bom futuro pra essa turma. Muito trabalho

Compradores
Comprador hospitalar: serão necessários 2.000 nos grandes hospitais nos próximos anos
Gerente de asilos: serão contratados as centenas.
Responsável por compras sustentáveis

Finanças
Encarregados de refinanciamentos : função que tá em alta nos bancos
Responsável por financiamentos
Encarregado de capital de risco: sua função será cada vez mais necessária

E tem muito mais no artigo. Gostou? Vai lá.

20/10/2.010 - Pierre-Alban Pillet, avec Hugo Soutra.

Nenhum comentário:

VEJA TAMBÉM

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...