quarta-feira, 18 de janeiro de 2012

Partir e morrer não é o fim. Ficar, pode ser morrer

- Eu não tenho mêdo deles não Duarte! Nem um pouco.
Tenho mêdo é de ficar vivendo assim.
- E se você morrer?
-  Se eu tiver que morrer lá,  eu morro e pronto!  Viver assim é pior que morrer.

(Rachel de Queiroz,  em cena final do Memorial de Maria Moura)

6 comentários:

Anônimo disse...

Hoje você pegou pesado! Bom pra refletir.
Beth

Wilma disse...

Nada de morrer nem lá nem aqui, se é que podemos adiar mais e mais...
Ieda, prometi q iria comentar depois de ler tudinho por aqui, mas, é muita coisaaaaaaa, então, venho agradecer por tudo e todas as dicas que estão no seu blog, estou adorando. Irei a Paris, saio de Porto e estou me esforçando pra aproveitar o máximo e não me enrolar, pois, só falo português (sou brasileira) e leio pouco Inglês, mas como a viagem será mesmo de "ver" e visitar Paris, darei meu jeito com suas dicas. Beijos querida, você é muito divertida, como só a descobri agora? Voltarei sempre!! Adorei seus "causus",como boa mineira...é só diversão!!

Ieda Dias disse...

Wilma, esta morte cada um lê de uma forma...eu leio, que a gente não deve adiar as nossas decisões...não ter medo, avançar, criar, romper barreiras...é preferível se estrepar fazendo do que morrer no marasmo...rs. sacou?
muito obrigada pelo elogios ao blog...continue aqui e se precisar de alguma dica é só gritar
bjos bjos

Ieda Dias disse...

Pois é Beth..é meio que um "vamo acordar meu povo!!!"
bjos bjos

Wilma disse...

Ieda, entendi q sua intenção era e teria q ser essa mesma, pelo seu amor a vida, por ser destemida, descolada, viajada, etc e etc,porém nas linhas do texto e o comentário anterior e também pra mim "morrer" é sempre algo definitivo, e quero sempre adiar,rsrsrs Viver é sempre melhor!!! bem e sonhando,rsrsrs

Ieda Dias disse...

Tout à fait, Wilma..
bjos bjos

VEJA TAMBÉM

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...