quarta-feira, 14 de março de 2012

Escolhendo hoteis


Escolher hotel não é fácil. Não conhecemos os lugares, e mesmo vendo o mapa da cidade fica difícil saber se vamos estar bem situados ou se o que vemos nas fotos tem a ver com a realidade. Como dizia meu pai, o papel aceita tudo.
Eu gosto do http://www.booking.com e também encontrei hotel legal no site www.decolar.com
Quando você encontra um hotel que acha interessante é bom ler sobre "o que disseram pessoas que se hospedaram lá". O mais engraçado é que não basta ler e levar ao pé da letra. Precisa conhecer um pouquinho de cada povo, pra sentir se a observação dele tem a ver com você. 
Por exemplo. Leia se a pessoa tem idade compatível com a sua. Com quem foi. Sozinho? Com amigos? O francês por exemplo, sempre acha que o lugar é barulhento. Ele tá de férias mas quer sossego. Nós brasileiros já somos mais acostumados com barulho, pessoas falando alto até dentro do cinema, então isso não conta tanto. Tem a turma que acha tudo pequeno. Desde o banheiro até o elevador. Estes não sabem por exemplo, que a maioria dos prédios na Europa são muito antigos e não tinham elevador. Eles foram colocados pra facilitar a vida das pessoas nos dias de hoje. Normalmente ocupam um espaço roubado da escadaria, que sempre era larga pra caber a roupaiada do povo de antigamente. Então são pequenos mesmo. E dai? Melhor subir apertado 5 andares de elevador do que de escada carregando mala.
Observem que as anotações dos brasileiros falam sempre sobre limpeza. A geste realmente dá valor a isso.
Uma coisa temos que levar em consideração. Hotel, mesmo sendo um 5 estrelas não vai ser como sua casa. Você vai ficar pouco tempo. Não leve tão a sério o que não gostar.
Tracoisa. Enquanto não tiver certeza absoluta do que quer, reserve aqueles  quartos que tem cancelamento gratuito.
Os que não tem são mais baratos, mas se houver qualquer modificação de roteiro ou numero de pessoas, como tá sendo minha viagem, que entra e sai gente a toda hora, é melhor poder cancelar sem pagar.
Uma coisa aprendi nestes anos todos de andação. País muito pobre, escolho hotel no mínimo 4 estrelas, país mais rico pode ser 2 ou 3. Pra mim tá ótimo.
E fique muito atento, anote tudo. Nome do hotel, numero da reserva. Tudo no mesmo lugar. Depois de decidir com qual vai ficar cancele todas as outras reservas. Não esqueça nunca de cancelar senão vai ser cobrado em seu cartão.
Não vou ainda colocar os nomes do hotéis que vamos ficar. Antes de sair de cada um você vai ficar sabendo se demos uma dentro. Ou não.
Amanhã continuo.

4 comentários:

Wilma disse...

Sou também fã da Decolar pra passagens e o Booking para Hotéis. Na primeira vez em Portugal dei uma foríssima, o Hotel ficava numa área que o taxi não entrava, aí tive que andar carregando a MALA com rodinha quebrada pela delicadeza com que a trataram no porão do avião, que raiva!!! E foi tanta que cancelei o Hotel e partir para Porto, deixei Lisboa pra volta, estava muito calor em setembro/2011. Dessa vez reservei três lugares para Hospedagem, sendo o melhor para os últimos dias que estarei querendo um BOM banheiro, pois é minha exigência e se tratando de Paris...preferi gastar um pouco nesse ítem, veremos. E lá chegando, um desses será cancelado. Ótima dica essa de saber o status do país a visitar e quantas estrelas escolher, gostei.

Anônimo disse...

Não abro mão de ficar em bom hotel, é pra isso que viajo, mais do que qualquer coisa, porque se não dormir bem nem consigo ver a cidade direito,
bjo, clara

Ieda Dias disse...

Wilma, se pudesse é e vi den te...rss... que ficaria só em 5 estrelas. Mas, o fato de não poder ficar neles, não me impede de ir e ser feliz...por isso pesquiso bem.
bjos bjos e ótimas viagens prá nos

Ieda Dias disse...

Clara, dou a maior sorte quanto ao quesito dormir. Durmo até em pé...mas uma cmainha limpinha e gostosa, faz o seno ser uma delicia e por conseguinte o dia tb, ne não?
bjins meu bem

VEJA TAMBÉM

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...