segunda-feira, 11 de fevereiro de 2013

VÍDEO: Incansável, a nossa Madre Teresa de Calcutá mineira luta para melhorar uma comunidade miserável na Índia

Meu querido amigo Ricardo Setti, mais uma vez dando força pro nosso projeto da PREMA METTA. Muito obrigada amigo, muito obrigada Rita de Souza pelas palavras.


VÍDEO: Incansável, a nossa Madre Teresa de Calcutá mineira luta para melhorar uma comunidade miserável na Índia


07/02/2013
 às 15:15 \ Tema Livre

VÍDEO: Incansável, a nossa Madre Teresa de Calcutá mineira luta para melhorar uma comunidade miserável na Índia

Prema Metta, e uma história para comover e inspirar (Foto: Ieda Dias)
Prema Metta, e uma história para comover e inspirar (Foto: Ieda Dias)
Por Rita de Sousa
A mineira Ieda Dias é uma mulher incansável. Não é freira, mas, guardadas as devidas proporções, tal qual Madre Teresa de Calcutá, tem desprendimento suficiente para acreditar – e provar – que ação, trabalho, amor e caridade pode sim transformar o mundo – com um passo de cada vez.
Em 2012 seus esforços deram fruto, e junto a uma comunidade dos cafundós miseráveis da Índia ainda não bafejada pelo surto de crescimento por que enveredou o país, e cuja situação nem chega perto do adjetivo carente, deu vida a um hospital - que é na verdade um pequeno posto de saúde.
Não está sozinha, e junto com Anup Kumar, guia turístico e ele próprio um fazedor de milagres, criou o projeto Prema Metta, e uma escola, que atende 60 crianças com a certeza que terão um futuro melhor.
A escola, uma construção modestíssima com três salas e um banheiro, é tocada com muito carinho e oferece café da manhã aos alunos — para vários, a única refeição decente do dia.
Das doações de amigos e conhecidos que recolheu em sua última visita a Belo Horizonte, sua cidade de origem, ela conseguiu colocar energia solar e ventilador de teto (lá é comum a temperatura chegar a 40 graus ou mais) na escolinha. Também doou notebooks para a escola (um) e para o professor, além de providenciar um estrado coberto com mantas, para tirar os meninos e meninas do chão batido de terra onde estudavam.
A pequena escola, porém, ainda necessita de muita coisa, como mais professores, acesso à internet, pintura…
Ali, na localidade de Pathalgarh, num distrito do mais populoso Estado da Índia, Uttar Pradesh (quase 200 milhões de habitantes), vive uma comunidade de lavradores que sobrevive, muito pobremente, daquilo que plantam.
Mesmo não sendo distante de Bodhgaya, um lugar sagrado para  peregrinações budistas vindas de todo o mundo – foi lá que o príncipe Sidarta, o Buda sakyamuni, atingiu a iluminação sentado sob a árvore Bodhi –, Pathalgarh não tinha nada parecido a uma escola pública, e o hospital mais próximo fica a horas de distância.
A pobreza leva a que crianças comecem a trabalhar aos 5 anos de idade para que as famílias sobrevivam. Essa é a realidade que Ieda vem lutando para mudar.

Nenhum comentário:

VEJA TAMBÉM

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...