quinta-feira, 2 de maio de 2013

Direto ao ponto - copiando meu amigo Augusto Nunes


Como ir direto ao ponto sem parecer deselegante, mal-agradecida ou coisa pior?
Sendo do jeito que sou : direta (até porque o ponto é o mesmo).
Mas preciso desabafar e – mais uma vez! – tentar tocar os corações e mentes de vocês. 
Não quero ser a “dona” de um sonho que EXIGE que todos sonhem juntos. Eu sei que sonho que se sonha só, é só sonho. Sonho que se sonha junto é realidade!
Quem me conhece sabe que JAMAIS cobrei de ninguém nenhum comportamento. Tenho minhas ideias, visões e comportamentos. Quando não me agridem - que não é o caso - ou agridem ao que julgo justo e humano, jamais critiquei. Minhas críticas são todas dirigidas aos comportamentos que considero ofensivos ao existir. Ao respeito ao ser humano.
Assim, este desabafo não é crítica. Nem desânimo. Só alguma tristeza.
Tenho amigos – fiéis e permanentes – que me ajudam nesta batalha da Prema Metta. São especiais e AMO TODOS eles.
E é minha opção estar aqui longe do Brasil. E um prazer. Não pela ausência daí, mas pela presença aqui.
Não sou vítima – NUNCA FUI ! – e não sou cobradora de débitos que não existem. Afinal o sonho é coletivo, mas o fazer pode ser solitário.
Sei que ninguém quer que a nossa escola (de todos nós) seja interrompida ou o sonho do Anup e tantos que ajudaram, seja somente uma história com um fim interrompido. 
Não se trata de cobranças. Se alguém entender assim, peço desculpas. Do mesmo modo sincero que sempre fui e sou.
Mas queria pedir um – mais um! – favor!
Eu adoraria trocar os incentivos  - Que continuem! Eu preciso deles! - por R$ 10,00 reais! As palavras de elogio, por outros R$ 10,00! A delícia de ler comentários que demonstram carinho -  Por favor, continuem! Eu preciso! - por alguma ajuda efetiva que é mais que carinho para as crianças : significa : sobrevivência e futuro!
Sei que R$ 10,00, 50,00 ou 100,00 é pouco (ou muito!) para alguns dos que acessam o blog, o FB e as colunas de VEJA.
Não deixará ninguém em dificuldades! Mas ajudará a tirar da MISÉRIA, DOENÇA e FALTA DE ACESSO À EDUCAÇÃO, uma centena de crianças!
Presto conta de cada tostão! Sendo direta, ao ponto: NENHUM centavo que nos é enviado é gasto com alguma coisa pra meu uso pessoal. NADA é para mim. Onde durmo, o que como, de que modo ando por estas terras, é TUDO pago com o que tenho (muito pouco!) e com o que posso gastar! JAMAIS usei um centavo para pagar sequer uma romã ou um transporte aqui em Bodghaya.
E faço questão de mostrar onde e como está sendo empregada cada doação.
Não quero ser – nunca fui! – “cobradora” dos atos que são meus, das minhas escolhas - loucas ou não - de meus sonhos. 
Somente gostaria que, quem (e eu sem quem são)  me apoia com palavras, pense em EFETIVAMENTE me ajudar com algum DINHEIRO. De novo : não a mim, mas ao projeto, que não é, e nunca será, meu, e que vocês podem acompanhar em fotos e vídeos.
Eu adoro receber os “curti” no FB mas a turminha daqui precisa receber algum recurso para ter o MÍNIMO que já conseguimos. 
Era isso. Desculpas antecipadas se pareci dura, ou transferindo para outros, a responsabilidade que é minha.
Mas a AMIZADE E CARINHO de muitos, me deram a certeza de que poderia desabafar!
Vamu qui vamu!


Ficou com vontade de nos ajudar?
É simples. 
Deposite qualquer quantia em uma dessas contas

IEDA DIAS
HSBC
BANCO 399
AGENCIA 1561
CONTA 0831621
CPF 156643506 44

ou

IEDA DIAS
CAIXA ECONOMICA FEDERAL
BANCO 108
CONTA POUPANÇA 013
AGENCIA 2381
CONTA 000186058
CPF 156643506 44

ou  

PAYPAL
eidiabh@gmail.com



4 comentários:

✿ chica disse...

Fico na torcida por aqui! Há de vir a ajuda! beijos,chica

Ieda Dias disse...

Já está vindo Chica, mas pode continuar torcendo...falta ainda um tiquim...
bjos bjos

Anônimo disse...

Eidia, vc sabe o quanto me sinto comprometida com este trabalho pois entendo que, maior que o prazer, é sim, nossa obrigação ajudar nossos irmãos, não importando a onde eles habitam. É certo que precisamos muito uns dos outros, sempre. Gostei muito do seu desabafo e sei que não é fácil dizer certas coisas, temendo ser mal compreendida. Que Deus dê forças e perseverança. Beijo, com carinho Fatinha

Ieda Dias disse...

Querida amigado do peito e sempre ao meu lado...pessoas como vcs me empurram sempre pra frente e pra cima. Brigada mil vezes a vc Roberto e Elisa...bjos bjos bjos

VEJA TAMBÉM

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...