sexta-feira, 15 de janeiro de 2016

MUSEU DO TIBET EM MC LEOD GANJ - ÍNDIA

O museu é muito simples, simples mesmo, mas a carga emocional que ele nos passa quando vemos as fotos e os relatos, deixa a gente tonta.
A precariedade de tudo, roupas, uniformes, armas, meios de transporte, tudo tudo na época da invasão, faz a gente entender o quanto o povo tibetano não tava preparado e jamais pensou em se preparar pra lutar, pra guerrear. Nem exército eles tinham.
Os chineses com muito pouco conseguiram dominar e lá estão até hoje pra espanto de quem em pleno século XXI ainda não se acostumou com invasões, barbárie, injustiça, sofrimento. Como há tantos anos atrás, pouco mudou. Refugiados de vários países do mundo, continuam vagando como nau sem rumo, procurando abrigo e vivendo da caridade alheia.
Triste caminho tomou o ser humano.
Tem que ser muito esperançoso pra pensar que é um caminho que pode ter volta.




 O exército chines



 O começo da destruição








 A fuga


 Primeiras refeições em território indiano

 Sua Santidade viajando à pé a caminho do exílio
Exílio, que palavra mais triste!

 Impressionante como ele teM bom humor. E ele diz sempre: viemos a este mundo pra sermos felizes.

 Pai e filho atravessando as montanhas geladas a caminho da Índia





 Não vou colocar as imagens mais fortes. Tem imagens horrorosas de tortura e mutilações


 Parei nesta foto e não conseguia continuar a andar.
Pesada demais!
Uma estrada que foi construida pra ser usada como mão única.
Só de ida.
Caminho de ida
A ida do invasor.

 Tem duas paredes só com fotos de tibetados que se mataram ateando fogo ao corpo, em protesto a esta estupidez cometida pelo governo chines.
A faixa de idade deve ser em média de 20 anos.

 Nos dias de hoje estas "armas" ficam parecendo armas de brinquedo






 Eu não sabia que o povo tibetano ama jogar sinuca


 Tenho verdadeiro horror a quem não respeita a crença do próximo!



 Visitando o museu, não sei o que me perturbou mais. Se as fotos e depoimentos nas paredes ou a expressão deste jovem monge lendo sobre o país dos seus país, que talvez ele nunca vá poder conhecer...

 Veja só o disparate de contraste desta foto



 Cada vez mais apaixonada por ele!


 Tiutiukinho lindo demais!






Continuem a nos ajudar por favor

#PREMAMETTASCHOLL 

PRECISA MUITO DE VOCÊ

  NOSSAS CONTAS 

     PAYPAL   
   ou  
IEDA MARIA RIBEIRO DIAS
HSBC 
BANCO 399
AGENCIA 1561
CONTA 0831621
CPF 156643506 44

ou

IEDA MARIA RIBEIRO DIAS
CAIXA ECONÔMICA FEDERAL
BANCO 104
CONTA POUPANÇA 013
AGENCIA 2381
CONTA 000186058
CPF 156643506 44
(em qualquer casa lotérica )

OU

IEDA MARIA RIBEIRO DIAS
BANCO DO BRASIL
BANCO 001
CONTA POUPANÇA 15405-9
AGENCIA 4352-4
VARIAÇÃO NÚMERO 51
CPF 156643506 44
ou nas agências dos correios

4 comentários:

Anônimo disse...

É tãaaaaaaaaaaaaaaaaaaaao triste ! Mas triste saber que os chineses estão lá há 50 anos, sem possibilidade de sair ... não por vias pacíficas. Dá desgosto de ser gente, viu ? Eita racinha triiiste que encarnou nesse planeta. Acho que eu não iria nesse museu não. Li muito recentemente um livro, fatos reais, sobre o Tibete. Tudo muito triste. beijos, mar

Geltha Dubon disse...

Esses chineses estão dominando o mundo.Triste saber q ainda tem quem os apoia.

Eidia Dias disse...

Cada um com seu Auschwitz né amiga? o Museu só tem fotos e meia duzia de outro material, mas é de deixar a gente no chão...poupei vcs de muitas fotos. E estou conversando muito aqui c o povo...vai dar pra sair bons textos...espero..rs
bjos querida

Eidia Dias disse...

É dona Geltha, Auschwitz tá longe de terminar....bjos

VEJA TAMBÉM

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...