sexta-feira, 4 de maio de 2012

Com dois dias de Índia já tenho assunto pra tres capítulos de um livro


E as pessoas ainda perguntam o que eu vim fazer aqui.
A jornada começou com a minha saída de Paris as 8 da manhã do dia 29-04. Meu voo saiu as 11 e meia. Lá vai um conselho. Se for viajar pela QATAR  não aceite o assento que fica atrás das portas de emergência. O espaço deles é exatamente a metade do normal. Um horror. Não consegui  trocar de lugar. Nem em pé tinha vaga. Sobrevivi.
Cheguei  em Doha as 6 e meia da tarde.  Não me lembro mais a que horas sai de Doha pra Delhi. Só sei, que por precaução não peguei o voo Patna-Delhi das sete da manhã. Marquei o de 1 e meia da tarde. Conclusão. Esperei de 3 e meia da madrugada até a 1 e meia da tarde. Pensa que acabou? Ainda não.

 Não era só eu que tava com sono no aeroporto de Delhi

Minha colega de fileira de Delhi pra Patna. 

Cheguei em Patna as 3 da tarde. Aí começaram as boas surpresas. Três rapazes me esperando no aeroporto. Aqui é assim. Sempre eles andam em bando.
O Anup que segurava o aviso e abriu o melhor sorriso do mundo quando me identifiquei. Junto com ele tinha o Rag e o Vik ( não sei se é assim que escreve).

Alguem já foi recebido com um aviso tão simples e singelo como este? Muito lindo!

Entramos no carros e foram 3 horas de meia de pura emoção. Realmente quem vem pela  primeira vez aqui custa a aguentar tanta emoção que as estradas oferecem. Eu fui tranquila só tentando me comunicar com os rapazes. O Anup disse que eram três, pra garantir minha segurança. Nada de mal poderia me acontecer. Então tá.

Arup. Este sorriso é constante

Este é o Rag. Desde que me viu se encantou com o meu braço. An??? Cuma??? Eu também achei estranho. Primeiro elogiou minha blusa e depois foi direto ao que interessava a ele. Já falou mais umas 2 vêzes. Pra quem tem braço gordo este é o lugar. Sempre pego ele olhando e salivando quiném brasileiro com bunda e peito...vai entender cada povo e cada gosto!

Nosso piloto, seríssimo e compenetrado. Já observei que aqui a direção é levada a sério. Piloto não conversa. Fica atento. O trânsito é uma loucura, mas quase não se vê acidente. Até agora, vi um caminhão batido na estrada.

Paramos neste lugar na estrada que não sei como poderia chamar, pra tomar um chá. Até agora to indo bem. Escrevo mais de 24 horas depois e o trono não recebeu minha visita além das de rotina...rs.

O garoto que usa uma roupa tom sobre tom...

O garoto que nos serviu o chá, de mais ou menos uns 14 anos, deve estar completando exatamente outros 14 que não toma banho. O engraçado é que eles não fedem. Também não cheguei o nariz tão perto pra me certificar. Guardando uma distância de 1 metro, tudo bem. Foi a primeira vez que abri a mala pra começar a distribuir os presentes que trouxe. Peguei uma camisa branquinha pra ele e 2 havaianas. Uma pra ele e outra pra sua mãe. Os pés, que pelo visto nunca calçaram nada, viram pela primeira vez as famosas havaianas. E, sem a menor cerimônia vestiu a polo branquinha e já com ela ficou,  encantado e surpreso. Daí já veio a minha primeira observação. A gente tem o costume de vestir roupa limpa depois do banho, né não? Aqui veste na hora, porque só Deus sabe quando vai ganhar outra, e, segundo o Anup, ele disse pro garoto na frente do dono do local.
-Vou passar aqui e ver se ninguém te tomou a camisa.
Ele achou que o patrão ficou de olho nela.
Chegamos no Rott Institute, em Gaya e também já tinha uma pessoa me esperando com a chave do quarto com meu nome.
Este é o lugar onde fiquei no primeiro dia

O lugar é exatamente como vi no site. A única diferença é que os quartos com banheiro, como eu pedi, ficam no andar de cima e o sol racha a moleira nos 40 graus facim, facim. Então me colocaram num quarto do térreo com o banheiro perto. 
Aí o Anup já atacou com sua profissão de guia. Conheço vários hotéis e posso te arrumar um bem legal, mais barato e mais confortável. Marquei com ele de passar hoje (01-05) depois do almoço pra gente ver isso.
Fui me ajeitar pra tomar um banho e dormir porque tava murtinha. Quarto super simples, limpo, cama super gostosa. Depois do banho fui ao refeitório ver o que tinha pra jantar. Felizmente não tava com fome. Não consegui identificar nada, comi um pão muito gostoso e fui dormir. Acordei ao meio-dia em ponto.
De ontem pra hoje já bebi uns 6 litros de água. No mínimo.
Amanhã continuo.


Nenhum comentário:

VEJA TAMBÉM

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...