sábado, 18 de junho de 2011

E a lua democraticamente linda, iluminou o mundo todo. Enquanto que nós, os humanos...

Fui vendo estas fotos e pensei imediatamente. Como nós os humanos somos pequenos! A lua que é a lua, poderosa, absoluta, linda, consegue ser de uma generosidade do tamanho dela, enquanto que a gente continua nesta mesquinhez preconceituosa em relação a tanta coisa. Onde quer que estejamos, ela vai estar lá linda, imponente, brilhando, iluminando, clareando, dando alegria a qualquer povo.
Esta semana vários povos de diferentes partes do mundo pararam pra admirar o eclipse.
E ela não deixou por menos. Foi a estrela maior do espetáculo. Não escolheu continente, nem país, nem estado, nem cidade pra mostrar sua beleza. Foi generosa com todos. A todos encantou. A todos satisfez. Desde aquele que possuia o mais possante telescópio, ao que observou a olho nu.
E todos que puderam participar deste show foram felizes e sairam satisfeitos com o espetáculo que foi aprensentado. Nada de discriminação, ninguem precisou de passaporte, ninguem precisou usar uma roupa especial pra ocasião, ninguem precisou pedir licença pra erguer os olhos aos céus e admirar. Nem precisou ter muita grana, plano de saude, tv a cabo, o último IPode qualquer coisa, mestrado, doutorado, MBA ou o tênis mais caro. Ela não escolheu. Se mostrou sem discriminação alguma.
Inveja da lua! Jamais seremos como ela. Iguais a ela. Mas podemos chegar perto. Mais perto do que estamos hoje. Podemos pelo menos diminuir o caminho pela metade e nos tornarmos mais legais um pouco. Só a metade já estaria de ótimo tamanho. Quem criou tudo isto aqui,  iria ficar muito orgulhoso da sua cria.

O passo-a-passo do espetáculo.
                                                                  A turma de Belgrado viu assim...
                                                           Em Curitiba ela brilhou formosa.
                               E nos Emirados Árabes, com ou sem burka, todos puderam ver esta beleza.
                                                       Olhe só o privilégio do povo filipino!
                                  Imagino os indianos de cócoras, serenos, admirando esta maravilha!

                    Que sorte poder estar nesta região da Itália e apreciar esta delicadesa de imagem!
                                             Em Jerusalém no ano que vem. Com ou sem eclipse.
                                                            Nápoles e lua. Tudo a ver. Eu imagino.
      E quem estava nas montanhas lindas e áridas do Paquistão, também teve direito à mesma imagem .
                                                                                 Paquistão ainda.
              E São Paulo se esqueceu um pouco de seus problemas e olhou pro céu. Olhou e admirou.
           Ai... queria estar numa praia de TelAviv neste momento. E poder fazer uma foto como esta. 
                                                                        Lua em Sofia. Uau!!!!
Na estreita Faixa de Gaza, assim como nos tranquilos campos das Minas Gerais, a imagem vista foi a mesma.

           Canoa, no Rio Grande do Sul. Realmente a festa foi de Norte a Sul, de Leste a Oeste.
                                                                         Maravilha!

8 comentários:

Anônimo disse...

Ieda, veja o que eu li em uma citação sobre Nietzche.
Ele diz que há cinco tipos de viajantes.
1 - Os que querem mais ser vistos do que ver nas viagens.
2 - Os que realmente veem algo no mundo.
3 - Os que vivenciam alguma coisa em função do que é visto.
4 - Os que incorporam e carregam consigo as vivências da viagem.
5 - Finalmente os de maior força, aqueles que colocam as experiências incorporadas de novo para fora, através de ações e de obras, tão logo retornam à casa.
PARABÉNS! VOCÊ É NUMERO 5.
Luiz César.

Anônimo disse...

Ieda, pode me chamar de boba. Mas, chorei com seu texto. Obrigada.
Beth

Ieda Dias disse...

Meu Jesus Cristinho! Assim você me emociona de vez querido amigo! Obrigada por pensar assim de mim...bjo grande e se prepare pra Polônia.
bjos

Ieda Dias disse...

Hoje é hoje...Vocês combinaram pra acabar comigo, no bom sentido!...rrsssssss
bjos Beth, a gente sempre toca que já tá sabendo das coisas.

Maga. disse...

Maravilhosos, a lua e o seu texto.
A lua é dos namorados,de quem ama a vida certamente, e gostaria q fosse bela e dividida para todos.
bom fds

Ieda Dias disse...

Brigada Maga, e ótimo fds proce também.
bjos bjos

Reynaldo-BH disse...

Iêda, falando em lua segue um vídeo do deserto de Atacama. Com o céu (este conheço, estive lá) que dificilmente há outro igual!
http://www.youtube.com/watch?v=wFpeM3fxJoQ

Ieda Dias disse...

Que maravilha hein Rey? Sabe, vou te confessar uma coisa: tenho pavor do universo, do cosmos, desta história de galáxias, planetas, tudo que está solto neste buraco negro e imenso...se começo a pensar fico doidinha. Evito direto!
bjos bjos

VEJA TAMBÉM

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...