quarta-feira, 18 de novembro de 2009

Pobre come se tá com fome, a realeza quando tá na hora !


Quer dizer, tem pobre que nem assim. Precisa ter o que comer.

Estou eu na casa da Princesa ainda. Ela é conselheira de vários museus em Paris. E, consequentemente, viaja muito a trabalho.

Então, um belo dia, ela saiu cedo porque ia fazer não sei o quê na Suíça. Um trabalho rápido e à tarde estaria de volta. Tá bom ! Bye, bye !

Chega ela lá pelas 4 da tarde. Foi tudo bem na viagem, deu tudo certo, conseguiu o que queria, mas....."tô morta de fome." Falou. "Tomei o café da manhã (que tinha guaraná em pó, todo santo dia, do Brasil) e, como o vôo era rápido, não teve lanche, cheguei lá e fui logo pro encontro de trabalho, voltei direto pro aeroporto, não teve lanche de novo..." então, pelo visto, deveria estar azul de fome. E tava mesmo!

Muito gentilmente me ofereci pra fazer o que ela quisesse. Um sanduba, suco, saladinha, ovo, dei um monte de idéia e ela; "não...não...não". Eu não entendia. "Mas a Sra. não tá com fome? Acabou de me dizer que tá pra desmaiar."

Ela: "mas não é hora de comer". Vocês podem imaginar minha cara e a falta de paciência. "Como não é hora? Tá com fome, come!"

Ela: "não é bem assim. Tive uma educação muito rígida. Se meu pai me visse comendo agora (o pai já tinha batido as botas há séculos!!!) era capaz de enfartar!"

Ela tinha acabado de fazer 70 anos. Vocês acham isso possível?

Eu disse pra ela: "numa hora dessas, não ter sido educada desta forma, pra mim foi o máximo, pois, pra mim, pode ser a hora que for, se tô com fome, eu como! Eu e os outros seres "anormais"".

Ela deu um sorrisinho amarelo e olhou pra mim com um olhar que não sei se era de pena, ao se deparar com essa espécie de ET que come quando tem fome, ou se de inveja. Nunca vou saber!

Só sei que não comeu nada. Nadinha!
Só jantou no horário de sempre: 20:30 h em ponto. Nem um minuto a mais nem um minuto a menos.


P.S.: ela foi lavar as mãos no banheiro do restaurante, tirou o anel e lá esqueceu. Voltou pra mesa, e quando se lembrou e voltou pra pegar já não estava mais. Veio o gerente, garçon, proprietário, bispo, vizinho e cozinheiro e nada. Não encontrou mais.

Os bons tempos, mesmo na Suiça, realmente se foram.

6 comentários:

  1. A foto está ótima. Até parece com a antiguidade da princesa.

    ResponderExcluir
  2. Amada, quem me dera ser como essa princesa (só atualmente que tô na peleja rsrsrs)...tanta disciplina ou seria rigidez mesmooooo???? Agora a realeza era francesa ou britânica? Só as 20:30h???? Eu sou pobre, pobre, pobre, de marré marré deci rsrsrs
    Beijuuss n.c.

    www.toforatodentro.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Você pode me ajudar a não mentir sozinha.....conheceu a casa dela...rs
    bjins

    ResponderExcluir
  4. Deus me livre Regis...tá com nada. Vidinha mais besta. A realeza era de origem russa misturada com a francesa. prefiro mil vezes a nossa zona total.
    bjins

    ResponderExcluir
  5. Lembro de um caso seu sobre um jantar chiquèrrimo, onde todos foram vestidos nos trinques. No final, o jantar estava virando uma feijoada na laje; paletó jogado, gente sem sapato, e sei lá mais o quê. É o que dá, gente do puxadinho querendo imitar a princesa. Lembra deste jantar? Bom, frbo ter distorcido um pouco o caso, mas caso dos outros quando cai em ouvidos alheios cria tentáculos... Tchau.

    ResponderExcluir
  6. Oi meu bem...sei qual, e vc com a Mar são minha memória...rs.Vou contar. Bem lembrado.
    bjins

    ResponderExcluir

Se você não tem conta no google, é só clicar em 'anônimo' para enviar seu comentário.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...