sábado, 20 de fevereiro de 2010

Como não se perder dos amigos nos metrôs do mundo



Tem uma brincadeira que faço com meus amigos nas estações de metrô. Quando eles tão enchendo muito o saco, digo que vou dar um perdido neles, aí, finjo que entro no vagão, eles entram e eu saio, um segundo antes de fechar a porta. Pronto! Ninguém mais vai me achar naquele dia. Só à noite em casa.

Mas isso é uma brincadeira. Nunca dei perdido em ninguém, só ficou na vontade...hehehe.

Agora falando sério. Tem uma dica chiquérrima pra ninguém ficar pra trás num passeio.

Seguinte: combine com seus amigos - isso já no primeiro dia da viagem.

Em uma estação, quando o metrô chegar se, por algum motivo, alguém ficar pra trás, os que entraram no vagão devem descer na próxima estação. Desçam e estacionem no local onde vai parar o último vagão do próximo trem.

O lerdo que sobrou, pega o próximo trem entrando no último vagão. Os espertos ficam esperando por ele. Aí, então, todos se reencontrarão. Compreendido?

Pode parecer besteira, mas se não houver uma combinação, vocês só vão se reencontrar no final do dia.

3 comentários:

  1. No "tabuleiro da gravata" que é Zagreb (a cidade é plana, absolutamente plana) não há metrô, a não ser o "tramvaj", azul... com máquinas antigas (mais charmosas) e modernas (nem tanto), mas já vi magotes de turistas se desfazendo em estações consecutivas. Se tivesse lindo o seu conselho, não teriam feito a confusão!
    ;-))

    ResponderExcluir
  2. Tout a fait Juníssimo. Tout a fait.
    bjins

    ResponderExcluir
  3. Caríssima, boa tarde.
    E essa dica vale para todo e qualquer
    metrô do mundo.
    Dá para imaginar quantos se perdem, por exemplo aqui em Sampa, com seus milhões de passageiros diários?
    Bjs.

    ResponderExcluir

Se você não tem conta no google, é só clicar em 'anônimo' para enviar seu comentário.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...