sábado, 17 de outubro de 2009

Capitão de feijão à moda da Etiópia.


Aprendi com os franceses a gostar de experimentar de tudo. Principalmente da comida de outros povos. Já falei aqui de um restaurante do Senegal que adoro e não deixo de ir toda vez que passo por Paris.

Fomos um casal de amigos e eu desta vez, num restaurante típico da Etiópia. É muito legal porque normalmente o dono vem , e aos poucos vai trazendo a familia, amigos e todos que pode rebanhar pra ter uma qualidade de vida um pouco melhor. E quase sempre continuam falando a língua natal e a gente que se vire pra entender. Muito bom.

Peguei emprestado do blog da Mara essa foto dela comendo em um lugar bem parecido com o que nós fomos.

Chegamos, um cheiro muito forte de tempero no ar. Cheiro que chegava a ser enjoativo. Mas quem tá na chuva .... pedimos orientação sobre o que comer e fomos recomendados de comer um kit completo pra ter uma idéia de quase tudo. Bem parecido com esse prato da Mara.

Só que o nosso veio em uma espécie de gamela de madeira. Enorme. E forrada com o pão que a gente vai pegando os pedaços e faz ele servir de garfo. Tipo pão árabe.

Foi antes de saber disso que meu amigo resolveu peguntar ao garçon como se comia.

Imagine o garçon, que tava servindo a todos, carrega coisa pra lá e pra cá, abre garrafas, pega copos, conta, dinheiro, troco, moedas. Assim que foi feita a pergunta ele entra entre meu amigo e eu, mete aquela mão cheia de dedos na boa na comida, pega um pokim de cada coisa, faz uma pelota e tufuia na boca do moço sem ele ter tempo nem de dizer, ui. Foi a conta...A gente caiu na risada e o pobre com a boca cheia daquela batata quente, sem coragem de mastigar, mas sem coragem também de devolver, e o garçon todo gentil esperando ansioso pra saber se ele achava bom ou não. Tadinho...mastigou e engoliu de uma só vez, olhinhos vermelhos e saindo uma lágrima de aperto...foi bom demais. Imagine brasileiro chato, nojento, que fica limpando garfo e faca com o guardanapo achando que vai resolver o problema das bactérias num lugar como este ...?
Ah! e não disse. Não tem pratos. Ou é tudo dessa forma com as mãos ou usa o pão pra catar as iguarias.

Se era gostoso? Era. Meio forte o gosto, mas não era ruim. Valeu a experiência.

Quer dizer, voltar lá não voltamos mais.....rs..rss....rs.......
http://www.portalbrasil.net/africa_etiopia.htm

2 comentários:

  1. Querida, este é antigo, mas ri muito sozinho.
    Como diz o Reinaldo, você é a rainha do balacobaco.
    Bjs

    ResponderExcluir
  2. Você riria muito mais, Cyrano se visse a cara do meu amigo com o capitão goela abaixo....rs.
    bjins

    ResponderExcluir

Se você não tem conta no google, é só clicar em 'anônimo' para enviar seu comentário.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...