sexta-feira, 9 de outubro de 2009

Cruz Vermelha Internacional - Dica de Museu.

Foto da Juliana.
Um suiço chamado Henry Dunant, em 1859 por acaso se viu diante de cerca de 6 mil mortos e mais 40 mil feridos em Solferino, em mais uma estúpida guerra dos humanos. Diante desta situação meio que sem saída e por um impulso de compaixão ele começou a ajudar como voluntário a socorrer os feridos. Surgiu daí o início da Cruz Vermelha, entidade que agrega mais de 100 milhões de voluntários em quase todos os países do mundo.

Falar em Museu arrepia muita gente. Temos pouca cultura de visitar museus. Fora que nossa história ainda é muito recente e a gente não dá muito valor a ela. Eu também não tenho mais muito saco prá conhecer museus hoje em dia. Mas pela primeira vez este ano visitei esse Museu em Genebra e gostei muito. Não é um campo de horrores. Pelo contrário. É muito interessante e conta fatos históricos que eu jamais sonhei que existiram. E entendi também o porque da meia lua junto com a cruz vermelha. A cruz é do cristianismo e a meia lua é o simbolo do islamismo.

Uma das coisas mais legais e que mais me fizeram pensar foi como tanta gente pensou em guardar tanta coisa. Desde amostras de curativos, latas onde se guardavam algodão, arquivos e mais arquivos e o Museu é também muito interessante porque você vai entrando em salas, labirintos e consegue se ver, se envolver nas diversas situações em que foram envolvidos os voluntários.

Não deixem de visitar. Vale muito a pena.

2 comentários:

  1. Eu não sou peça de museu, ainda, rsrsrs mas não perco de visitar um. Amo!
    Beijuuss n.c.
    Regis (adorei o apelido)

    ResponderExcluir

Se você não tem conta no google, é só clicar em 'anônimo' para enviar seu comentário.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...