domingo, 11 de outubro de 2009

Toma um banho Sebastião! Nem que seja prá me agradar...



E sempre que o tio Sebastião vinha do interior nos visitar era a mesma coisa.


Correria pra fazer o doce que ele gostava, o bolo que ele amava, arrumar o quarto pra ele. Aquele dengo. Tio Sebastião era muito querido.


E ele chegava sempre muito animado apesar de uma viagem de onibus meio cansativa, aqueles cata jegues que param se você ameaça de abrir os braços pra se espreguiçar na beira da estrada.

Com dois minutos de prosa enquanto a mãe passava um café fresquinho, já vinha o pai: toma um banho Sebastião. Voce viajou, calor, tá cansado... e o tio: já tô indo vou só tomar um cafezim.

Cinco minutos depois: e aí Sebastião...vai tomar um banho! Banho relaxa é bom, você vai ficar mais bem disposto. E o tio rindo e contando casos, tomando café com biscoito, mais animado impossível dizia: tô indo, tô indo...só um minutinho.


Voltava o pai 20 minutos depois. Vamos agora Sebastião. Tia Fulana arrumou o seu quarto, colocou toalha limpinha, sabonete novo. Vai tomar um banho, vai ser bom. E o tio: tô indo, tô indo.

Nessa hora o pai perde a paciência, porque pra ele chegar de viagem e não tomar um banho era inconcebível. Vira pro tio e diz com veemência: toma um banho Sebastião! Vai... Nem que seja pra me agradar!!!!

Até hoje nós aqui de casa e nossos amigos usamos a frase do pai. E ela serve pra tudo. Tomar banho, comer, beber.

Bebe mais um copo. Nem que seja pra me agradar...




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Se você não tem conta no google, é só clicar em 'anônimo' para enviar seu comentário.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...