sexta-feira, 9 de outubro de 2009

Ele de novo. Ele quem? O nosso campeão... Zé.


Povo tentando tirar o Zé da Van.



O Zé faz questão de dizer que isso foi há 20 anos atrás. Quer dizer, hoje os micos são menos primários.... se aperfeiçoaram...... hhhheeeeeeee.........


Saindo da Coreia onde aconteceu o desvio com o Mr. Lee, o mesmo Mr. Lee que peidou no travesseiro dele. Epa! Mas isso é outra história. Depois eu conto. Lá vai ele para TAIWAN conhecer o agente chinês cuja empresa se chamava “Green Mountain”. Então tá.


A secretária da agencia de turismo havia informado que ele se hospedaria no HILTON. Não precisa se preocupar Zé, porque já tá tudo acertado. Uma Van do Hotel vai te esperar no aeroporto com uma plaquinha : Mr. Spinola. Chic.


Saindo da alfândega ele vê um chinês com uma plaquinha : MR. SPINOLA. Pensou : tô em casa!
O china não falava ingles e fez sinal para esperar ali. Esperou, e daí a pouco lá vem o chininha com mais algumas pessoas.
Fez sinal outra vez para que esperassem todos ali mais alguns minutos e voltou dirigindo uma Van escrito: SHERATON.


No que o nosso herói pensou: deve de ser uma daquelas Vans que percorrem vários hotéis. Entrou nela junto com o bolo, certificando se o tal chinês havia colocado sua mala Sansonite (muito chic na época) lá atrás. Tava lá.


Taiwan não tinha sinal de transito, não tinha placa, não tinha rua preferencial e até a chegada ao Hotel foi um susto atrás do outro.


Chegaram ao Hotel SHERATON e todos desceram menos o Zé, lógico! O hotel dele era o HILTON.
O Chinês foi tirando as bagagens e ele no último banco da Van de olho na sua mala. De repente o motorista bota a mão na mala do Zé (epa!!!) e ele mais do que depressa segura na mão do moço e diz: HILTON!
O motorista vira pro Zé e diz várias coisas em chinês puxando a mala e apontando para o lobby do Hotel e o Zé segurava a mala balançava o dedo e dizia pro cara: no, HILTON!


E foi uma briga só. O china puto da vida mostrava o relógio querendo dizer que estava atrasado, esbravejava e fazia mil gestos que ele presumia que o estava atrasando, porque tinha que voltar ao aeroporto para apanhar outra fornada.
Mas o Zé firme, não descia da Van nem por reza brava porque afinal de contas o translado estava incluido no pacote!


E pensava: imagina eu no Hotel errado, sem falar quase nada de inglês, com um bando de Chineses que fala menos ainda do que eu? Nunca, nem morto. Só desceria no Hilton.


Foi então que o motorista entrou no Hotel e veio de lá com o Gerente, que muito calmamente falou:
Mr. Spinola, (palavrinha mágica. Quando ele escutava seu nome se sentia em casa) por favor libere a Van. (tire esse trazeiro gordo daí como dizem os Cassetas) O Sr. tem reserva neste hotel. No que o Zé diz: no, I have a reservation at HILTON HOTEL (tinha decorado isto).
O gerente muito calmo continuou: Come with me, please ( e o motorista bufando já sentado ao volante da Van pisando no acelerador querendo dizer, anda logo pô! ) E o gerente continuou. If you don’t have reservation on SHERATON I will arrange to you a car till the HILTON HOTEL, free of charge!. A palavra “free” soou mágica para ele.

Entrou no Hotel e o Gerente ligou para o Hilton. Foi aí que o Zé descobriu que não tinha reserva nenhuma no Hilton, e sim no Sheraton mesmo!!!!!!!

A burra da secretária havia anotado o nome do hotel errado.

O Gerente olhou para ele com cara de “tá vendo”? E ele só soube dizer: I’m sorry...I am so sorry!

(Marcelo seu mestre e vidente) havia lhe ensinado a dizer isto também....

2 comentários:

  1. Esse Zé existe? Ou é criação da sua imaginação? Pq as histórias são fantásticas rsrsrs

    ResponderExcluir
  2. Existe e faço questão de te apresentar. Precisamos dividir com o próximo as coisas boas da vida né não amiga?
    bjins
    eidia

    ResponderExcluir

Se você não tem conta no google, é só clicar em 'anônimo' para enviar seu comentário.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...